sábado, 14 de abril de 2018

Amor aos Pedaços








 'Nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus'... 
(Mateus 4,4)









O quê é que está no pote de vidro da foto acima da Calu?

Vejo nele, nitidiamente, alegria para dar e vender,
Amor aos pedaços de sobra para comer, se derreter
De prazer, de se deliciar com o paladar saboroso,
Da que cozinha por amor e se faz muito amoroso.



Amo biscoitear... é tempo!
Estou nos de aveia e integrais, vamos fazer os cookies integrais nestes dias...

(Para inspirar o amor e, depois, de coração cheinho, partir para cozinhar com amor transbordante)

O Senhor escuta as preces daqueles que pedem para esquecer o ódio.
Mas está surdo aos que querem fugir do amor.
(Paulo Coelho)



Havia perdido meu endereço certo,
Não podia me comunicar comigo,
Não sabia nem sequer onde estava,
Perdi-me, perambulava sem destino,
Mil preocupações me assaltavam...
Parei... Meditei... Encontrei-me...
Eis que fui revestida do Alto Poder,
Ah! Chorei... Revolucionei-me,
Combato, hoje,  com paz e amor.
Oh! Achei-me... Encontrei-me,
Forças correram em mim: amor!
Por amar, recuperei meu sentido, 
Sou fertilizada, tenho sabores,
Produzirei os mais belos licores...
Cristo me conduz, me transformou.
Meu endereço? O Amor doce e saboroso.



Lembra -te ninguém pode desejar o Amor de Deus se antes não conhecer o amor humano.
(Paulo Coelho)


Louvar a Deus pelo alimento de cada dia!


Um comentário:

  1. Temos que agradecer e louvar a Deus o pão nosso de cada dia, a vida, o amor incondicional pelos filhos e amigos e conhecidos. Beijinhos e um forte e terno abraço

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.